Todo mundo sabe que a prática de atividades físicas faz bem para a saúde, contribuindo para uma vida ativa e saudável. Porém, nem todos gostam de frequentar academias, e acabam optando por exercícios físicos ao ar livre, que oferecem diversos benefícios para a mente e para o corpo.

Eles são uma ótima opção, não só para quem não gosta de ambientes fechados, mas também para quem não tem tempo e recursos para investir em atividades que não se encaixam em uma rotina corrida. Além disso, esses exercícios liberam substâncias que melhoram o humor, dão sensação de prazer e aumentam a motivação.

Neste texto, relacionamos os sete benefícios mais comuns que as pessoas experimentam ao escolher a prática de atividades físicas ao ar livre. Você vai perceber que, mais do que o contato com a natureza e a economia, vale muito a pena aproveitar o ambiente externo para se exercitar.

Quer conhecer quais são esses benefícios? Então, continue lendo este post!

1. Contato com a natureza

Quem não gosta de estar em contato com a natureza e os sons dos pássaros em um belo dia de sol? Muitas pessoas aproveitam o ambiente natural para praticar atividades físicas. Elas fazem isso por diversos motivos, e um deles é que a conexão com a natureza alivia a tensão e proporciona mais prazer.

Isso já foi comprovado por pesquisas científicas. Uma, conduzida na Universidade de Sussex, revelou que os sons da natureza ajudam a combater o estresse no organismo. Outras, já concluíram que o ambiente natural tem efeito anti-inflamatório no organismo e até melhora a visão!

Outra pesquisa ainda, feita nos EUA, mostra que olhar a natureza pode melhorar a energia mental das pessoas. Ou seja, o contato com o meio ambiente atua positivamente em todo o organismo. Se praticar atividades físicas já traz muitas vantagens para a saúde, imagina só combiná-las com os efeitos benéficos do contato com a natureza?

2. Fuga da rotina

O dia a dia da vida moderna é estressante, principalmente para quem trabalha fora e ainda tem que cuidar da rotina da casa, dos filhos e da família. Isso gera um acúmulo de tensão que, se não for descarregada, pode causar doenças e desconforto, diminuindo a qualidade de vida. 

Praticar exercícios físicos ao ar livre permite essa fuga e possibilita relaxamento para a mente, já que o contato com a natureza faz com que a pessoa esqueça as tarefas estafantes do cotidiano e se conecte com o ambiente natural.

3. Contato social

As atividades ao ar livre também aumentam o contato social, pois proporcionam a oportunidade de conhecer gente nova e fazer amizades. Ao sair — seja para um parque, uma praia, ou simplesmente para dar uma volta com o cachorro —, ampliam-se as possibilidades de criar situações que envolvem outras pessoas. 

Além disso, você pode se reunir com os amigos para uma caminhada no parque ou uma partida de vôlei na praça e, assim, colocar o papo em dia enquanto se exercita. É uma oportunidade de estreitar os laços de amizade, curtir as belezas naturais e a companhia de pessoas queridas. 

​4. Mais foco

Com o barulho dos centros urbanos e da tecnologia, fica difícil manter a atenção, já que muitas distrações acabam afastando o foco do momento presente. Um estudo feito na Universidade de Illinois demonstrou que um passeio de 20 minutos em um ambiente ao ar livre tem efeito significativo nos níveis de atenção. 

Ao reservar um tempo para praticar atividades em ambientes abertos, você se permite estar no aqui e agora, focado no que acontece, e não em preocupações e pensamentos negativos. Esses exercícios reduzem a fadiga mental, acalmam a mente e abrem as portas para novos pensamentos. 

Outros benefícios para o cérebro são: aumento da produção de endorfinas — que é o hormônio do bem-estar —, melhora da capacidade cognitiva e da autoestima.

5. Economia

Essas atividades, além de serem benéficas para a saúde física e mental, fazem bem para o bolso. Afinal, ocupar um espaço urbano é de graça, e você pode usar acessórios simples, como uma corda para pular, ou uma bola. Você também economiza tempo — que é valioso nos dias de hoje — e ganha autonomia, pois pode escolher onde e quando se exercitar. 

É por isto que esse tipo de exercício conquista novos adeptos a cada dia: a variedade de atividades é grande, combinando diversos estilos como esportes de aventura, caminhadas curtas e longas, corridas, esportes na praia, dentre outros.

Você só precisa escolher aquilo de que mais gosta e começar a praticar em uma praça ou um parque na cidade. Esses lugares, assim como praias e lagos, oferecem condições ideais para a realização de vários tipos de exercícios. 

6. Mais vitamina D

Ambientes abertos têm outra grande vantagem: ajudam a sintetizar vitamina D, que é responsável pelo equilíbrio mineral do organismo e ainda ajuda a prevenir doenças autoimunes.

Os baixos níveis de vitamina D levam ao risco de desenvolver câncer, à baixa imunidade e aos distúrbios psicológicos e neurológicos. Além disso, causam hipertensão, diabetes, acidente vascular cerebral, perda de força muscular e aumento do risco de doenças do coração.

A exposição ao sol é a principal fonte dessa vitamina — cerca de 80% a 90%. Portanto, o tempo que você passa ao ar livre garante que seus níveis estejam dentro do esperado, prevenindo essas doenças e deixando sua vida mais saudável. 

7. Melhores resultados

Se você é uma pessoa que não gosta de estar entre quatro paredes todo o tempo, o treino ao ar livre é mais divertido e agradável. Ele gera mais motivação, melhora os resultados e faz com que as pessoas se exercitem a longo prazo. Isso acontece porque as chances de cair na rotina são menores, já que todos os dias você encontra pessoas diferentes e vivencia situações novas. 

Além disso, esse tipo de atividade inclui jogos e exercícios diferentes daqueles praticados na academia — inclusive em grupo. Dessa forma, a vontade de treinar aumenta e os benefícios também. 

Como você pode notar, não é apenas nas academias e nos ginásios esportivos que é possível se exercitar e ficar em forma. A natureza oferece um ambiente puro e agradável, com espaço de sobra para praticar as mais diversas atividades. Basta organizar a agenda, escolher algo de que gosta e começar. 

E você, já faz exercícios físicos ao ar livre? Conte para a gente deixando um comentário no post!

 

A RUNWAY indica…